musicas.mus.br

Letras de m√ļsicas - letra de m√ļsica - letra da m√ļsica - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - COMPENSA√ß√?ES (PART. WILSON SIMONINHA E GR√∂DASH) - APOCALIPSE 16 - m√ļsica e letra

Utilize o abeced√°rio abaixo para abrir as p√°ginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Compensa√ß√Ķes (part. Wilson Simoninha e Gr√∂dash) letra


Grödash, Ulteamatom, Pregador Luo
Brasil, França (lado a lado)
Apocalipse (de casa), Ulteamatom (wow, wow, cousin, cousin, D'Alma)
Pregador Luo (salut!)

Um brinde ao egoísmo, ao machismo e ao feminismo
Um brinde ao mecanismo de preservação que nos mantém vivos
E ao mesmo tempo que nos destrói
Brindemos aos nossos heróis que na verdade nunca foram heróis
Como a vida nos engana
Todo herói só quer colher o louro da fama

Ontem à noite ele mentiu ao dizer que te ama
Ele só queria você deitada na cama
E ela só deitou porque também tava afim
Um usou o outro e a historia termina assim
Eu te ajudo, você me ajuda
Eu te dou o sal e voc√™ me d√° a√ß√ļcar

Pague pela diversão, pela alimentação
√Č inevit√°vel, a troca s√≥ rola quando √© vi√°vel
Eu te dou dinheiro e você me dá satisfação
Uma mão lava a outra na lei da compensação

Busco, te preciso, te quero
N√£o posso te perder (I need life's compensations baby)
Te amo tanto, eu te venero
Não vivo sem você (salut!)

Ele coloca a joia mais cara no seu pescoço
Mas em troca quer o seu corpo
Troque seu voto por cimento e tijolo
Na TV compensa mais ser louro do que crioulo
Mas que beleza seu carro popular novo
Comprado a peso de ouro

Em troca da mensalidade, o s√°bio ensina o tolo
O sonho da casa própria ainda não foi concretizado
Portanto, pague em dia o aluguel ou vai ser despejado
E se adoecer, o doutor cuida de você
Opera você, medica você
Pague e ele não deixa você morrer
Mas se morrer, pode ter um enterro bonito

Depende de quanto v√£o gastar parentes e amigos
Porque a funer√°ria cobra muito caro
E de repente você nem era assim tão considerado
Pra ser enterrado num caix√£o com detalhe dourado
Tá certo, tá certo, e eu até concordo
O homem tem que trabalhar pra ter seus bens e eu t√ī de acordo
Mas a lei da compensação e do olho por olho
Est√° cegando a todos

Busco, te preciso, te quero
N√£o posso te perder (I need life's compensations baby)
Te amo tanto, eu te venero
Não vivo sem você

(Cousin) j'suis de ceux qui donnent avec le cŇďur (et ouais, j'sais)
Pour ne plus être d'ceux qui dorment avec le gun
J'sais bien que la récolte se fera pas ici-bas
La vie est si bas, j'entends parler du SIDA
Luo Pregador m'a dit "écarte-toi des opportunistes"
Du coup, j'ai jeté les clés qui ouvrent les portes du crime
Mais je l'sais bien, sous forme dans la main
J'tourne la tête, j'fais l'malin sans penser à la fin

Dieu est grand, le Diable veut m'étrangler (parce que)
J'peux être sans intérêt, mais pour moi le mal est à l'étranger
Mais qui m'a souhaité du mauvais? J'crois que c'est toi (ok)
Moi, j'croise les doigts pour que ton album soit chrétien (cousin)
Ainsi va la vie, frangin, range ta carabine
J'me mets de l'insecticide quand j'apprends que Dan veut m'faire la bise
Demande √† Luo, nous c'est avec le cŇďur (d√©gage-les comme Madonna)
Material girl

Busco, te preciso, te quero
N√£o posso te perder (I need life's compensations baby)
Te amo tanto, eu te venero
Não vivo sem você

A camisa de futebol do seu filho (trocentos reais)
A chuteira do seu filho (trocentos reais)
O gol marcado pelo seu filho não tem preço (como não?)

E então que valor é esse aqui cobrado no meu cartão?
Todo sonho tem um preço
E eu bem que mereço, afinal paguei o preço
O advogado comprou o juiz e meu crime perdeu o peso
Cantou a liberdade, mas que liberdade cruel e mesquinha
Ser humano ordinário e traiçoeiro

N√£o trabalha pelo bem e sim pelo dinheiro
Afinal, fuma pela brisa
Pede paz, só quando precisa, e só ameniza quando convém
A compensação pode ser mínima ou imensa
Desde que ela exista e nunca me atrapalhe
O quanto me ajuda é o quanto você vale
Lei maldita, que interdita a estrada que leva ao crescimento

Quanto vale o vento? Quanto vale a √°gua?
Me diz, quanto vale sua alma?
Você não sabe né? Ha ha
Sendo assim, eu vou cantar pro Santo
Que sem querer favor quebrou o meu encanto
Me emprestou seu sangue e me prometeu com o coração
Um lar na nova terra, longe de compensação
Por isso eu canto ao Santo que tem palavra
Aceita o louvor que vem d'alma

Busco, te preciso, te quero
N√£o posso te perder (my sweat price is the real compensation, baby)
Te amo tanto, eu te venero
Não vivo sem você

Maravilha é viver e poder respirar
Maravilha é andar e poder se mover
Maravilha é você gostar de mim
Ah, maravilha é você pensar em mim
Aleluia, aleluia

7 Taças, Hey, cousin
Pregador Luo, GF, Grödash, Apocalipse, Ulteamatom
Participation spéciale de Willson Simoninha
Salve, Simonminha
Apocalipse, Luo (elle a de l'√Ęme, frangin. Cousin!)
D'Alma, Brasil, França
Apocalipse, Luo (lado a lado, d'alma)
My sweat price is the real compensation, baby

Apocalipse 16 - Letras

©2003 - 2022 - musicas.mus.br